contador de visitas

segunda-feira, fevereiro 08, 2010


Diva Pavesi, 53 anos, brasileira, nascida em São Paulo. Formada em Jornalismo e Relações Públicas pela Fundação Cásper Líbero. Jornalista e escritora, membro e Delegada da Académie Arts Sciences Lettres, coroada pela Académie Française, é pós-graduada pela Universidade Sorbonne, em Paris, e Universidade de Dublin, Irlanda, nas áreas de Cultura, Business e Comunicação. Fala fluentemente quatro idiomas: Francês, Inglês, Espanhol e Italiano.
Lançou na Bienal de São Paulo, seu primeiro romance autobiográfico "Revolta dos Anjos" (Editora Rebra/Scortecci), em lançamento nacional. No salão do livro em Paris (março/2009), lançou o livro em frances "Nous les Femmes Du Brésil" com a Evelyn editora em parceria com a Oficina do Livro editora que tem a antologia "Nós Mulheres" no Brasil. Vive na Europa desde 1987, e na França desde 1991, e nesses anos todos, sempre se dedicou à promoção da cultura brasileira.

Em 1995 criou em Paris, o Instituto Divine Institut des Arts et Culture, onde é presidente. Uma Ong Cultural Franco Brasileira sem fins lucrativos, que promove a cultura brasileira e francesa através das artes, ciência e letras, produzindo concertos, palestras e encontros literários, congressos e grandes exposições nas mais importantes Galerias de Arte de Paris e nos célebres Salões de Arte, como o do Museu do Louvre. Tem como filosofia e missão, a criação do intercambio artístico e cultural entre o Brasil, a França e a África, onde grande parte do tempo se dedica a ajudar instituições educacionais e crianças carentes do Brasil e da África.

Diva Pavesi, recebeu vários prêmios pela dedicação do seu trabalho: medalhas Jorge Amado e Guimarães Rosa (na Academia de Letras Brasileira no Rio de Janeiro pela U.B.E.); medalha Vermeil (pela Academie Arts Sciences Lettres), onde foi coroada pela Academia Francesa, da qual é Delegada para o Brasil e Portugal, como reconhecimento do seu trabalho que é difundido em vários países.

Através do seu trabalho, sempre focado no social, construiu duas bibliotecas no Brasil. Em São Paulo, no bairro da Freguesia do Ó, na Escola de Ensino Fundamental Regente Feijó, em agosto de 2008, com a venda do seu livro "Revolta dos Anjos" e outra no Rio de Janeiro. Através da venda do seu mais novo livro que retrata o carnaval do Rio de Janeiro, Rio Carnaval Social Clubs, Diva quer implantar uma biblioteca na Cidade Tiradentes.

Nesta viagem ao Brasil, está colhendo material para lançar no próximo ano, o livro sobre o carnaval de São Paulo. Diva debutou aos 16 anos, como Porta Bandeira na Escola de Samba "Portelinha", a Primeira de Vila Carolina, onde Tio Mário, Vermelho, Carlinhos, Laercinho e Vinho Tinto, lhe ensinaram tudo de samba.

É batizada pela famosa Vilma da Portela. Em 1975, o grande visionário Presidente Basílio, a levou ao Rio de Janeiro para assistir aos desfiles das escolas e lhe incentivou a aprender a dançar como as grandes Portas Bandeiras: Vilma, Mocinha e Neide. Desfilou durante 12 anos como Primeira Porta Bandeira na Rosas de Ouro em São Paulo. Foi a Primeira Princesa do Carnaval Paulistano consecutivamente em 1983 e 1984. Também foi modelo e manequim. Nos anos 90, desfilou como destaque na Unidos da Tijuca, na Mocidade Independente de Padre Miguel e na Mangueira. Continua a desfilar anualmente nas escolas de samba de São Paulo e Rio.

Diva Pavesi lança seu livro em São Paulo no dia 10 de fevereiro, a partir das 20:30 horas, no Tryp Hotel Higienópolis. O livro promove a Cultura Brasileira relatando a História das Escolas de Samba, e nos ensina como fazer um trabalho de grande importância para os brasileiros - "A Inclusão Social pelas artes, letras e cultura". Nessa dia, teremos a oportunidade de curtir o divino pocket show de Sandrinha Sargentelli que dara movimento ao encontro.
Projeto social: Educação, Formação e Cultura se aprendem na escola. Com a venda dos exemplares, vai criar a Segunda Biblioteca numa região carente de São Paulo - Cidade Tiradentes.
http://babygarroux.blog.uol.com.br/

Nenhum comentário: